A VERDADEIRA REVOLUÇÃO

Estamos vivendo um tempo muito difícil no Brasil, especialmente. Um governo perdido e uma população desejando reformas profundas em várias áreas. Precisamos de uma revolução ética no Brasil, nossa pátria tão amada! Revolução significa mudança de rumo a partir de um conteúdo consistente comum a maioria. Quebrar paradigmas. Aspiramos as reformas na política, no código penal, na educação, na saúde, na tributação e uma reforma social e, por que não dizer, um pacto social sem precedentes. Urge uma participação efetiva e criativa da sociedade civil. Uma contribuição consistente das instituições bem estruturadas. A arregimentação de cidadãos comprometidos com um projeto de Estado. Um projeto para a nação e um pacto de desenvolvimento sustentável.

É mister que anulemos a política de assistencialismo, substituindo-a pela política de dignidade por meio da educação, da assistência profissional continuada, do emprego e da inclusão social pelo trabalho sério e comprometido com o desenvolvimento em vários níveis. O povo brasileiro precisa de saneamento básico, uma política séria de resíduos sólidos, segurança pública constituída de agentes honestos, bem remunerados e prontos para combaterem a corrupção e toda a sorte de violência. A nação brasileira aspira por um combate contundente e tolerância zero ao tráfico de drogas, o tráfico de seres humanos, a pedofilia, os crimes pela internet, a pornografia. Tolerância zero para os políticos e funcionários públicos corruptos.

A nossa revolução deve ser pela conscientização, mobilização e execução de programas eficientes nos vários setores da vida da população. Combater veementemente toda a sorte de desonestidade. O povo precisa, urgentemente, de uma saúde de qualidade, um transporte muito eficiente e barato, bem como um serviço público comprometido com a excelência em servir com funcionários capacitados de forma continuada. A sociedade brasileira está cheia dos políticos enganosos, engambeladores e aproveitadores. Não agüenta mais tanta incoerência, tanta corrupção e tantos desmandos. Sonhamos com um país mais justo, mas solidário e mais igual. Somos chamados à revolução de idéias, de sonhos e ações propositivas.

Que todas as forças democráticas se unam na construção de um Brasil novo. A construção pela revolução na ética e na eficiência em todas as áreas da vida do povo brasileiro. Que sejamos um país de vanguarda. Um país em que a tecnologia não está acima da ética, da moralidade equilibrada. Um governo competente, honesto, íntegro e trabalhador; um povo que fiscaliza e age com dignidade, que responde positivamente às ações corretas dos que os governa. Não o povo do jeitinho, mas a nação que aspira, deseja intensamente que a justiça seja feita doa a quem doer. Não um país de uma minoria privilegiada, mas um país que tenha justiça social, distribuição de renda coerente com a Constituição. Que todos tenham acesso aos melhores serviços públicos.

Que tenhamos uma revolução que produza padrão de qualidade, de excelência, tanto nas empresas públicas como nas empresas privadas. Que direitos e deveres sejam assegurados. Que primemos por uma política de desenvolvimento sustentável – que é a união muito bem articulada entre produção com tecnologia de ponta e a preservação do meio ambiente, do ecossistema. Uma política que busque com insistência o trato com o meio ambiente digno de uma nação realmente desenvolvida. Que nesta revolução nossas armas sejam as da educação de qualidade, do trabalho com excelência e da ética, da integridade em todos os níveis, do diálogo sério, responsável. Esta revolução é possível com a participação de todos no esforço de cada um.

Oswaldo Luiz Gomes Jacob, pastor batista.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.