TRIFENA E TRIFOSA

 

Cá entre nós: estes dois nomes são feios. Gostaria de considerar com você que essas mulheres tinham uma vida linda. Paulo as reconhece em Romanos 16.12: “Saudai Trifena e Trifosa, as quais trabalharam no Senhor”. O apóstolo não fazia média com ninguém. Ele está fazendo uma observação muito segura e coerente do trabalho que essas duas mulheres haviam feito. Sabemos do valor dos nomes, mesmo que não gostemos deles. Há pessoas que têm nome bonito, mas a vida não é. Trifena e Trifosa trabalharam no Senhor. Vale dizer que elas deram o melhor para Deus. Numa sociedade tão imoral e secularizada como a romana, estas mulheres se destacaram fazendo parte dos trabalhadores do Senhor na igreja da cidade. Foram relevantes no seu tempo e o seu testemunho fala ainda hoje.

Deus tem levantado mulheres comuns para um trabalho extraordinário. Em nossas igrejas há muitas delas que trabalham duro porque amam ao Senhor, sua família, a Igreja e as almas perdidas. São mulheres de fibra moral, conteúdo espiritual denso e emoções sinceras. Mulheres de valor inestimável. Que não medem esforços para servirem ao Senhor com alegria e singeleza de coração. Mulheres bem resolvidas, íntegras que não se comprometem com o que é errado. Mulheres servidoras. Algumas delas acompanhavam o Senhor Jesus. Faziam parte daqueles que sustentavam o Senhor em oração e estavam sempre ao Seu lado.

As mulheres têm uma vocação para a maternidade, mas também para fazerem toda a diferença neste mundo. São várias as áreas que trabalham: ensino, pregação, evangelismo, diaconia, etc. Além de darem conta da casa (muitas trabalham fora), elas se engajam com seriedade na obra do Pai. Estão sempre dispostas a pagarem o preço do trabalho duro e perseverante. Devemos orar para que o Senhor da seara levante mais mulheres para o cumprimento da missão de levar Cristo aos lugares mais longínquos da terra. Mulheres dispostas a mudarem o país a partir de suas comunidades. Mulheres globalizadas, conectadas às necessidades do mundo sem Cristo.

Trifena e Trifosa sinalizam para mim o compromisso com o evangelho integral, que é o evangelho do Senhor Jesus Cristo. Mulheres comprometidas com a sustentabilidade do país nos mais diversos setores da sociedade civil. Que mostram o seu rosto sem medo. Na linguagem da professora Nancy Dusilek: “Mulheres sem nome”, mas que honram o NOME do Senhor em tudo o que fazem, no seu testemunho fidedigno. Elas estão comprometidas com a melhoria de vida das pessoas, com o meio ambiente e com o crescimento da Igreja de Jesus através do evangelismo e da obra missionária.

OSWALDO LUIZ GOMES JACOB, PR.

1 comentário em “TRIFENA E TRIFOSA”

  1. agradeço pela singela homenagem a estas mulheres que trabalharam com Jesus, o nosso mestre e atraves do amado este texto é importante, pois abriu mais uma janela para meditação. ,muito obrigado, a mca é o braço direito do pastor e em saber que as crianças e moças dependem deste tão importante departamento que tem feito a diferença. pr. ailton rio claro rj.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.