MENSAGEM DE ESPERANÇA

Aos cansados e oprimidos, disse Jesus: “Vinde a mim e eu vos aliviarei” (Mt 11.28-30). Ele é o Autor e o Consumador da nossa fé (Hb 12.2). É o Deus que se fez carne e habitou entre nós (João 1.14). Aquele que esvaziou-se a si mesmo e tomou a forma de servo, tornando-se semelhante aos homens (Fil 2.5-11). O que afirmou: “Eu sou o Pão da Vida; quem vem a mim jamais terá fome, e quem crê em mim jamais terá sede” (João 6.35). Aquele que se manifestou para destruir as obras do diabo (1 João 3.8). O que prometeu: “Eis que estou convosco todos os dias até à consumação dos séculos (Mt 28.20). O que disse da cruz: “Está consumado” (João 19.30). Completou a obra para a qual o Pai O havia chamado.

Jesus se compadece dos cansados e oprimidos. Ele curou enfermos, libertou os cativos do inimigo, ensinou e pregou o caráter de Deus Pai. Jesus é o descanso para os cansados, libertação para os oprimidos e suporte para os sobrecarregados. O bálsamo para as feridas das emoções e da alma. O alivio para os que sofrem. O ganho para os que perderam. Paulo ensina que o viver é Cristo é o morrer é lucro (Fil 1.21). Jesus é o caminho seguro para os que estão vivendo na insegurança deste mundo. Ele é a alegria para os que estão tristes. A suficiência para os que têm consciência de sua insuficiência. Ele nos ordena a aprender com Ele a mansidão e a humildade para enfrentarmos os problemas da vida e os desafios dos nossos relacionamentos (Mt 11.29).

Jesus é a nossa alegria todas as manhãs, a renovação das nossas forças todas as tardes e o nosso descanso todas as noites. Ele é aquele que luta as nossas batalhas e as vence plenamente. Sensível às nossas mazelas. Ele nos ajuda em nossas fraquezas. A Sua graça sempre nos basta (2 Co 12.9,10). O Seu amor é incomparável, a Sua justiça perfeita, a Sua paz perene, o Seu perdão abundante e a Sua misericórdia nos alcança em nossa miséria. Que Jesus maravilhoso! Como Ele é perfeito em todos os Seus caminhos e benigno em todas as Suas obras. Ele está sempre perto de nós, os que O temem (Sl 145.17,18). Nada nos separará do amor do Pai que está no Filho (Rm 8.38,39). A nossa segurança e o nosso prazer estão nEle. Nele somos mais que vencedores. Os cansados e oprimidos têm alivio pleno nEle. Confiemos na suficiência de Cristo em Sua morte e em Sua ressurreição. Ele nos prometeu: “Não se perturbe o vosso coração. Crede em Deus, crede também em mim. Na casa de meu Pai há muitas moradas; se não fosse assim, eu vos teria dito; pois vou preparar-vos lugar” (João 14.1,2). Jesus Cristo é a única esperança!

Oswaldo Luiz Gomes Jacob, pastor.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.