// você está lendo...

Sem categoria

SER DIÁCONO OU DIACONISA

Ser diácono ou diaconisa é ser uma pessoa que serve alegremente, com prazer. Uma pessoa contente com o seu trabalho. Ela o faz por causa de Cristo, o Servo maior. O seu coração se rejubila em servir. As suas entranhas fervilham de gratidão por trabalhar modestamente. Um homem ou uma mulher simples no sentimento, nas palavras e nas ações. Não busca holofotes. Não almeja o pódio, mas o chão ou o húmus. Tem o mesmo sentimento que houve em Cristo Jesus (Filipenses 2.5-11). É uma pessoa que não está interessada em elogios, mas em engrandecer o Senhor com o que faz. O seu trabalho é excelente. Seus relacionamentos saudáveis. O seu coração é prazeroso em repartir o pão, o espaço e o cuidado. O diácono ou a diaconisa é uma pessoa proativa, assertiva e criativa. Ela é exemplar, admirada pelos mais novos e mais velhos. Sensível às necessidades dos outros. Nutre a hospitalidade em seu coração. Pessoa pronta para ouvir, tardia para falar e tardia para se irar (Tiago 1.19). Sábia em suas decisões. Que tem prazer em adorar a Deus em espírito e em verdade (João 4.24).

O diácono ou a diaconisa é uma pessoa mansa e humilde de coração (Mateus 11.29). Aprecia viver aos pés do Mestre para aprender a ser uma pessoa cristã melhor, mais útil. A sua família é ajustada. Uma pessoa qualificada, um referencial ético. Responsável em tudo o que faz. Tem o dom da misericórdia. Detentora de um espírito cooperativo e interativo. Respeitada em todos os seguimentos da Igreja. Uma pessoa facilitadora. Amiga e cooperadora sincera do pastor da Igreja e ora por toda a liderança, servindo sempre como uma missão irrevogável dada pelo Senhor (Atos 6.1-7). O seu prazer maior é glorificar a Deus em tudo o que faz. A Bíblia é o seu vade-mecum., manual de vida. Não é um diácono ou diaconisa que cria problema, mas é uma pessoa-solução, aglutinadora e conciliadora. Uma pessoa de oração, que tem deleite em entrar no santo dos santos em Cristo Jesus. Aprecia muito testemunhar de Cristo, sendo uma pessoa exuberante. O evangelismo é o seu estilo de vida. Uma pessoa sincera, procurando sempre ter um olhar introspectivo. Cheia do temor do Senhor. Eis uma pessoa habilitada pelo Senhor, chamada para ser oficial da Igreja. Que não pleiteia cargos, mas cargas.

O diácono ou diaconisa deve ter a fé de Abraão; a simplicidade de Isaque; a persistência de Jacó; a capacidade administrativa de José; a liderança de Moisés; a liderança na família à semelhança de Josué; a sabedoria e o discernimento de Rute; a confiança de Davi; a amizade de Jônatas; a sinceridade de Jeremias; o amor de João; a coragem de Estevão; o espírito evangelístico de Paulo e o espírito servidor de Febe. Deve ser uma pessoa imitadora de Deus como filha amada, andando em amor como Cristo nos amou e a si mesmo se entregou por nós (Efésios 5.1,2). Que privilégio ser um diácono ou uma diaconisa, uma pessoa servidora de Jesus, amorosa, deleitosa e espirituosa. Íntegra a toda a prova. Que ama a Igreja do Senhor Jesus, sua família e o seu país. Um diácono ou uma diaconisa que dê prazer ao coração do Pai, uma pessoa precioso pertencente ao Senhor por direito de Criação e por direito de Redenção em Cristo Jesus, nosso Salvador e Senhor!

Oswaldo Luiz Gomes Jacob, pr.

Compartilhe e Aproveite:
  • Google Bookmarks
  • Digg
  • del.icio.us
  • Live
  • Technorati
  • LinkedIn
  • Sphinn
  • email
  • Facebook

Comente

Links

Admin