// você está lendo...

Sem categoria

HONRAR O SENHOR COM OS NOSSOS BENS

Honra o Senhor com teus bens e com as primícias de toda a tua renda; assim os teus celeiros se encherão com fartura, e os teus lagares transbordarão de vinho” (Pv 3.9,10).

Existe no texto acima uma ordem com promessa. Deus tem todo o direito de ordenar aos Seus filhos o que Ele quiser. A nossa resposta deve ser a obediência. Filhos obedientes alegram o coração do Pai. Jesus deu prazer, alegria ao coração do Pai sendo reconhecido por este: “E uma voz do céu disse: Este é o meu Filho amado, de quem me agrado ou em quem eu tenho prazer” (Mt 3.17). Como filhos obedientes devemos honrar o nosso Pai. A honra é motivada por quem Ele é e não pelo o que Ele já deu ou nos dará. O texto quer dizer que quando semeamos, certamente iremos colher. Honrar o Senhor com os nossos bens é declararmos para Ele todos os dias que tudo o que somos e temos pertence a Ele. É a semente da honra. Somos DELE por direito de criação e de redenção. Fomos criados e salvos ou redimidos por Ele em Cristo. Estas duas certezas são motivadoras para que nós contribuamos com amor, sem pesar. Como nos ensina magistralmente o apóstolo Paulo: “Cada um contribua de acordo com o que decidiu no coração; não com tristeza nem por constrangimento, pois Deus ama ao que dá com alegria” (2 Co 9.7).

Honrar o Senhor com os nossos bens é, na verdade, uma atitude de desprendimento, de desapego das coisas materiais. Fruto de uma vida cujo centro é o Senhor Jesus Cristo. A mordomia ou administração que exercemos de tudo o que temos deve estar intrinsicamente ligada à nossa vida em relação ao Senhor. Isto significa dizer que tudo o que somos e administramos pertence a Ele e que a honra é DELE . Aqui é uma questão básica de amor ao Senhor e consequente fidelidade. Na verdade, não merecemos a vida e nem os bens que possuímos. Não há mérito em nós, mas em Cristo Jesus. Tudo é a manifestação do favor de Deus. A cada manhã as Suas misericórdias se renovam (Lm 3.22,23).

Todos os dias, devemos fazer uma oração de adoração e de gratidão ao Senhor que tudo nos concede por graça. Até o nosso trabalho, nosso esforço para ganharmos dinheiro é uma manifestação da graça de Deus. Deus usou Moisés para falar verdades maravilhosas ao povo de Israel no deserto, dizendo: “Não suceda que, depois de teres comido e estares farto, depois de teres construído casas e nelas morado, depois de se multiplicarem as tuas manadas e os teus rebanhos, a tua prata e o teu ouro, sim, depois de se multiplicar tudo quanto tens, o teu coração se exalte e te esqueças do Senhor, teu Deus, que te tirou da terra do Egito, da casa da escravidão” (Dt 8.12-14). Temos sido muito aquinhoados pelo Senhor. Precisamos semear com amor. Prestemos atenção ao que Paulo ensina: “Mas digo isto: Quem pouco semeia, pouco também colherá; quem semeia com generosidade, também colherá generosamente” (2 Co 9.6). É impressionante a fidelidade de Deus! Tenho experimentado isto em toda a minha vida cristã (44 anos). Ainda que sejamos infiéis, Ele permanece fiel, pois não pode negar-se a si mesmo (2 Tm 2.13).

Exerçamos a mordomia cristã, priorizando dízimos, ofertas e bens a partir de nossas vidas no altar de Deus. É muito precioso podermos participar da expansão do Reino de Deus em toda a terra tendo como ponto de partida as nossas Igrejas. É precioso demais alegrarmos o coração do Pai exercendo a fidelidade, usando dons (sobrenaturais) e talentos (naturais) para a edificação dos crentes, salvação dos perdidos e a glória do Seu nome. Deus tem prazer nos Seus filhos obedientes. Sejamos fiéis em todo o tempo. Que o Pai nos liberte do apego às coisas materiais e nos dê prazer nas contribuições ou investimentos no Seu Reino. Ele certamente é glorificado no exercício da nossa fidelidade. Alguém disse que “Deus não abençoa o nosso sucesso, mas a nossa fidelidade”. Ele é honrado quando colocamos no Seu altar TUDO o que somos e o que temos. Que assim seja sempre em nossas vidas para a Glória DELE!

Oswaldo Luiz Gomes Jacob, pastor.

Compartilhe e Aproveite:
  • Google Bookmarks
  • Digg
  • del.icio.us
  • Live
  • Technorati
  • LinkedIn
  • Sphinn
  • email
  • Facebook

Comente